29.4.12

VAMOS PRESERVAR AS BARANGAS


Ivana Pavlova, do PRAVDA, enviada especial a Санкт-Петербу́рг - Um grave crime ecológico está sendo praticado nas ruas das cidades da região norte de Antropoles: O abate clandestino e indiscriminado de Barangas. Os responsáveis pela prática desse crime hediondo são os direitistas, estudantes e intelectuais, enfim, vagabundos que nunca pegaram no duro pelo desenvolvimento do País! 
Os criminosos agem em barzinhos, clubes da terceira idade, bailes da saudade, praças de alimentação de shoppings e salas de bate-papo da internet. Os direitistas escolhem a Baranga, rebocam para um lugar ermo de Санкт-Петербу́рг , onde não possam ser encontrados, e abatem a presa. O anonimato do ato criminoso fica garantido porque os outros camaradas não vão ter coragem de espalhar o abate sob pena de se denunciarem.

 "O reboque, abate clandestino e consumo de Baranga causa enjoo, ânsia de vomito e impotência sexual”.

O Politicheske Byuro Antropolitano prepara decreto de proteção e preservação das Barangas, classificadas em cinco espécies: 
Jaburu - Costumam andar em bando e vestindo roupinhas da moda. Fogem ao ouvirem gritos bem altos: “Sai pra lá, jaburu!” É tiro e queda! Uma observação: Se você abater um Jaburu terá que comer. 
Bagulho - Uma espécie de Baranga viciada em chope e vodka. Aviso: Se beber não se aproxime de uma. Ninguém come os bagulhos – só os caras muito doidos! 
Canhão - São muito desinibidas, principalmente na hora de colocar o pau na boca ou de empinar o traseiro para receber a pistola durante a roleta russa.
Dragão - Baranga em estado terminal. Dançam sem calcinha, em cima das mesas, imitando a Rita Cadillac, ou seja, balançando o bundão, deixando a mostra celulites, estrias e varizes. 
Tribufu - A Baranga por excelência. Faz ponto na porta nos banheiros masculinos dos clubes de quinta categoria. É venenosa! 
De acordo com o Chefe da KGB - "O reboque, abate clandestino e consumo de Baranga causa enjoo, ânsia de vomito e impotência sexual”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Avanti Populi!